ÓLEO ESSENCIAL DE OLÍBANO - 5 ml

Boswellia carteri

ÓLEO ESSENCIAL DE OLÍBANO
ÓLEO ESSENCIAL DE OLÍBANO ÓLEO ESSENCIAL DE OLÍBANO

A resina olíbano e a mirra, foram as primeiras resinas usadas como incenso. O olíbano é importado do Egito há cerca de 5 mil anos. Primeiro foi usada como incenso, e depois em cosméticos. Sob forma de incenso, foi usada também para fumigar pessoas doentes para expulsar os maus espíritos que lhes causavam a doença. Os egípcios a usavam em muitas máscaras faciais de rejuvenescimento. O olíbano foi uma das substâncias mais apreciadas do mundo antigo. Esteve sempre disponível em abundância, e quase se tornou sinônimo da palavra incenso. Nos tempos antigos, o olíbano, bem como vários outros aromáticos, foram tão valiosos quanto gemas ou metais preciosos, daí a oferta de ouro, incenso (olíbano) e mirra ao Cristo menino. Seu valor era tal que teve considerável influência na economia de certos países, sendo causa frequente de disputas políticas. A resina é extraída fazendo-se uma incisão profunda no tronco, abaixo da qual se retira uma pequena faixa de casca. Na semana seguinte, exsuda um líquido leitoso que, em contato com o ar, endurece lentamente.

A essência de olíbano lembra a de cânfora ou terebintina, mas também tem um timbre apimentado, lenhoso, que lhe dá odor muito mais agradável do que aqueles. O óleo é claro e mistura-se bem com a maioria das outras essências, incluindo cânfora, sândalo, hortelã-pimenta e manjericão. O óleo de olíbano possui algumas virtudes particulares, e o perfume não é a menor delas. O olíbano possui também efeito marcante sobre as membranas mucosas e é um excelente expectorante. Como inalação ou internamente, é um bom remédio em todas as condições catarrais, quer da cabeça, pulmão, estômago ou intestinos. Tem afinidade com os tratos pulmonar e genitourinário, e é de eficácia nas tosses, bronquites, laringites, deficiência respiratória; e também para leucorreia, gonorreia, e infecções do trato urinário como cistite e nefrite. Suas propriedades adstringentes tornam-no útil em hemorragias, especialmente uterina e pulmonar. Ele também é bom para digestão. Externamente, pode ser usado em feridas e úlceras. É bom para todo desarranjo do útero e é de uso seguro na gravidez e parto. Possui efeito quente e refrescante sobre as emoções. Também foi muito usado nos preparados de cuidado da pele no século passado. É adstringente, levemente anti-inflamatório, evitando rugas.

Preço: R$ 94,00
Embalagem: 5 ml

Como usar?

Clique no tópico desejado e confira a dica

Saúde Beleza Emocional
Bronquite, asma, catarro, tosse 6 a 8 gotas em 1 litro de água fervente. Inalar por 15 minutos cobrindo a cabeça com uma toalha. Massagear peito e costas com 2 gotas em um punhado de óleo de andiroba. Nebulização: 1 gota em um copo cheio de soro fisiológico. No banho: 1 gota na bucha e espalhe pelo corpo. Hemorróidas 3 a 5 gotas em uma bacia de água morna. Faça um banho de assento por 15 a 20 min para aliviar a dor e o desconforto. Infecções bacterianas e por fungos Externamente, 1 gota direto no local. Internamente, 2 gota sublingual 2x ao dia. Furúnculo Aplique compressa quente e úmida com 2 gotas de óleo de olíbano. Rugas 20 gotas em 100gr de creme para o rosto. Use como de costume. Acne e espinhas 1 a 2 gotas em um cotonete. Aplique direto no local. Água aromática: 30 gotas em 100ml de água destilada. Aplique no rosto com um algodão. Cicatrizes e manchas 20 gotas em 30ml de óleo de rosa-mosqueta. Aplicar no rosto. Sujeira dos poros Vaporização facial: 5 gotas em um litro de água fervente. Feche os olhos e deixe o vapor chegar ao rosto. Faça por 5 minutos. Para fechar os poros, enxague o rosto com água fria. Cabelos secos Dilua 30 gotas em 60ml de óleo de babaçu. Aplique desde o couro cabeludo às pontas, enluvando. Envolva com toalha quente e deixe por 30 min. Enxague a seguir com xampu neutro. Fortalecer a raiz 1 gota em um punhado de xampu. Massagear o couro cabeludo e enxaguar. 30 gotas de óleo de olíbano em 100ml de água. Borrifar no couro cabeludo ou aplicar com algodão e deixar secar. Ansiedade Banho: dissolva de 3 a 5 gotas na banheira. Coloque 1 gota em um punhado de sabonete líquido. Aromatização: aromatize o ambiente colocando 5 gotas em um aromatizador elétrico e complete com água. Ou coloque de 15 a 20 gotas em 500ml de água e borrife no ambiente. Escalda-pés: em uma bacia de água morna, acrescente de 5 gotas de óleo de olíbano. Massagem: 15 gotas de óleo de olíbano em 60ml de óleo vegetal. O uso do óleo de olíbano complementará o tratamento feito por médico ou terapeuta. Depressão Banho: dissolva de 3 a 5 gotas na banheira. Coloque 1 gota em um punhado de sabonete líquido. Aromatização: aromatize o ambiente colocando 5 gotas em um aromatizador elétrico e complete com água. Ou coloque de 15 a 20 gotas em 500ml de água e borrife no ambiente. Escalda-pés: em uma bacia de água morna, acrescente de 5 gotas de óleo de olíbano. Massagem: 15 gotas de óleo de olíbano em 60ml de óleo vegetal. O uso do óleo de olíbano complementará o tratamento feito por médico ou terapeuta. Medo Banho: dissolva de 3 a 5 gotas na banheira. Coloque 1 gota em um punhado de sabonete líquido. Aromatização: aromatize o ambiente colocando 5 gotas em um aromatizador elétrico e complete com água. Ou coloque de 15 a 20 gotas em 500ml de água e borrife no ambiente. Escalda-pés: em uma bacia de água morna, acrescente de 5 gotas de óleo de olíbano. Massagem: 15 gotas de óleo de olíbano em 60ml de óleo vegetal. O uso do óleo de olíbano complementará o tratamento feito por médico ou terapeuta. Estados obsessivos Banho: dissolva de 3 a 5 gotas na banheira. Coloque 1 gota em um punhado de sabonete líquido. Aromatização: aromatize o ambiente colocando 5 gotas em um aromatizador elétrico e complete com água. Ou coloque de 15 a 20 gotas em 500ml de água e borrife no ambiente. Escalda-pés: em uma bacia de água morna, acrescente de 5 gotas de óleo de olíbano. Massagem: 15 gotas de óleo de olíbano em 60ml de óleo vegetal. O uso do óleo de olíbano complementará o tratamento feito por médico ou terapeuta.

Sobre o Óleo Essencial de Olíbano

A resina olíbano e a mirra, foram as primeiras resinas usadas como incenso. O olíbano é importado do Egito há cerca de 5 mil anos. Primeiro foi usada como incenso, e depois em cosméticos. Sob forma de incenso, foi usada também para fumigar pessoas doentes para expulsar os maus espíritos que lhes causavam a doença. Os egípcios a usavam em muitas máscaras faciais de rejuvenescimento. O olíbano foi uma das substâncias mais apreciadas do mundo antigo. Esteve sempre disponível em abundância, e quase se tornou sinônimo da palavra incenso. Nos tempos antigos, o olíbano, bem como vários outros aromáticos, foram tão valiosos quanto gemas ou metais preciosos, daí a oferta de ouro, incenso (olíbano) e mirra ao Cristo menino. Seu valor era tal que teve considerável influência na economia de certos países, sendo causa frequente de disputas políticas. A resina é extraída fazendo-se uma incisão profunda no tronco, abaixo da qual se retira uma pequena faixa de casca. Na semana seguinte, exsuda um líquido leitoso que, em contato com o ar, endurece lentamente.

A essência de olíbano lembra a de cânfora ou terebintina, mas também tem um timbre apimentado, lenhoso, que lhe dá odor muito mais agradável do que aqueles. O óleo é claro e mistura-se bem com a maioria das outras essências, incluindo cânfora, sândalo, hortelã-pimenta e manjericão. O óleo de olíbano possui algumas virtudes particulares, e o perfume não é a menor delas. O olíbano possui também efeito marcante sobre as membranas mucosas e é um excelente expectorante. Como inalação ou internamente, é um bom remédio em todas as condições catarrais, quer da cabeça, pulmão, estômago ou intestinos. Tem afinidade com os tratos pulmonar e genitourinário, e é de eficácia nas tosses, bronquites, laringites, deficiência respiratória; e também para leucorreia, gonorreia, e infecções do trato urinário como cistite e nefrite. Suas propriedades adstringentes tornam-no útil em hemorragias, especialmente uterina e pulmonar. Ele também é bom para digestão. Externamente, pode ser usado em feridas e úlceras. É bom para todo desarranjo do útero e é de uso seguro na gravidez e parto. Possui efeito quente e refrescante sobre as emoções. Também foi muito usado nos preparados de cuidado da pele no século passado. É adstringente, levemente anti-inflamatório, evitando rugas.

Precauções

Não existe nenhuma contraindicação para o uso deste óleo, sendo considerado não-tóxico e não-irritante para a pele. No uso interno, deve ser evitado concomitante a medicamentos anticoagulantes e antiplaquetários.